Home» Liturgia Diária» Nenhum sinal será dado a esta geração a não ser o sinal de Jonas

Nenhum sinal será dado a esta geração a não ser o sinal de Jonas  

Ano B – 25 de fevereiro de 2015

Cor Liturgica: ROXO (4ª-feira da 1ª Semana Quaresma )

Lucas 11,29-32

Jesus Cristo, sois bendito, sois o ungido de Deus Pai!
Voltai ao Senhor, vosso Deus, ele é bom, compassivo e clemente (Jl 2,12s).

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas.
Naquele tempo, 11 29 quando as multidões se reuniram em grande quantidade, Jesus começou a dizer: “Esta geração é uma geração perversa; pede um sinal, mas não se lhe dará outro sinal senão o sinal do profeta Jonas.
30 Pois, como Jonas foi um sinal para os ninivitas, assim o Filho do Homem o será para esta geração.
31 A rainha do meio-dia levantar-se-á no dia do juízo para condenar os homens desta geração, porque ela veio dos confins da terra ouvir a sabedoria de Salomão! Ora, aqui está quem é mais que Salomão.
32 Os ninivitas levantar-se-ão no dia do juízo para condenar os homens desta geração, porque fizeram penitência com a pregação de Jonas. Ora, aqui está quem é mais do que Jonas”.
Palavra da Salvação.
 


Comentário do Evangelho
O SINAL DE JONAS
            Em torno de Jesus, reuniam-se pessoas sintonizadas com ele e pessoas que nutriam contínua desconfiança a respeito dele e de sua pregação. Este segundo grupo instigava Jesus a dar um sinal concreto de sua messianidade. Não lhes bastavam os sinais e prodígios portentosos realizados por Jesus. Eles queriam muito mais.
            O Mestre não se deixava enredar na trama de seus opositores. O sinal a ser oferecido, no evento de sua ressurreição, seria comparável à experiência de Jonas que, durante três dias e três noites, permaneceu no ventre de um monstro marinho e, depois chamou os ninivitas à conversão. Assim como os gestos prodigiosos realizados por Jesus não foram suficientes para convencer seus inimigos, também sua ressurreição não chegaria a tocar-lhes o coração. Vítimas de um fechamento renitente, insensível a qualquer forma de abordagem,  eles caminhavam para a condenação. Apesar de terem Jesus tão perto de si e poderem escutar sua pregação, não se deixavam convencer. O bom exemplo da rainha de Sabá, vinda de longe para ouvir o rei Salomão, e dos ninivitas, convertidos no confronto com a pregação de Jonas, não lhes sugeria nenhuma atitude de benevolência em relação a Jesus.
            O Mestre, porém, não se omitia de levar adiante sua missão de ser um sinal para o povo de seu tempo. Quem acolhia suas palavras e se convertia já experimentava a salvação.
 
Leitura

Jonas 3,1-10

Leitura da profecia de Jonas.
3 1 A palavra do Senhor foi dirigida pela segunda vez a Jonas nestes termos:
2 “Vai a Nínive, a grande cidade, e faze-lhe conhecer a mensagem que te ordenei”.
3 Jonas pôs-se a caminho e foi a Nínive, segundo a ordem do Senhor. Nínive era, diante de Deus, uma grande cidade: eram precisos três dias para percorrê-la.
4 Jonas foi pela cidade durante todo um dia, pregando: “Daqui a quarenta dias Nínive será destruída”.
5 Os ninivitas creram (nessa mensagem) de Deus, e proclamaram um jejum, vestindo-se de sacos desde o maior até o menor.
6 A notícia chegou ao conhecimento do rei de Nínive; ele levantou-se do seu trono, tirou o manto, cobriu-se de saco e sentou-se sobre a cinza.
7 Em seguida, foi publicado pela cidade, por ordem do rei e dos príncipes, este decreto: Fica proibido aos homens e aos animais, tanto do gado maior como do menor, comer o que quer que seja, assim como pastar ou beber.
8 Homens e animais se cobrirão de sacos. Todos clamem a Deus, em alta voz; deixe cada um o seu mau caminho e converta-se da violência que há em suas mãos.
9 Quem sabe, Deus se arrependerá, acalmará o ardor de sua cólera e deixará de nos perder!
10 Diante de uma tal atitude, vendo como renunciavam aos seus maus caminhos, Deus arrependeu-se do mal que resolvera fazer-lhes, e não o executou.
Palavra do Senhor.
 
 
Salmo 50/51
Ó Senhor, não desprezeis um coração arrependido!
 
Tende piedade, ó meu Deus, misericórdia!
Na imensidão de vosso amor, purificai-me!
Lavai-me todo inteiro do pecado
e apagai completamente a minha culpa!
 
Criai em mim um coração que seja puro,
dai-me de novo um espírito decidido.
Ó Senhor, não me afasteis de vossa face
nem retireis de mim o vosso Santo Espírito!
 
Pois não são de vosso agrado os sacrifícios,
e, se oferto um holocausto, o rejeitais.
Meu sacrifício é minha alma penitente,
não desprezeis um coração arrependido!
 
Oração
Considerai, ó Deus, com bondade o fervor do vosso povo. E, enquanto mortificamos o corpo, sejamos espiritualmente fortalecidos pelos frutos das boas obras. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Link: 148 pessoas viram!