Home» Batismo» Missão de Batizados

Missão de Batizados  

Batismo de Jesus
O batismo realizado por João era um rito penitencial. Pressuponha a tomada de consciência dos próprios pecados e o desejo de conversão. E isso em vista da chegada do Messias, que iria realizar a justiça de Deus.

O próprio Messias, no entanto, apresenta-se para ser batizado por João. Não porque tivesse pecados, como todo ser humano. Ao receber o batismo de João, o filho de Deus, que assumiu em tudo a condição humana, menos o pecado, não tem pecados de que se arrepender. Mas ele quer se solidarizar com todos nós, pecadores. O Messias vem mostrar, assim, que a justiça da chegada do reino exige o reconhecimento de nossa condição pecadora. Exige a mudança de mentalidade que nos transforme constantemente e nos permita transformar o mundo segundo a lógica do reino.

Jesus vem, de fato, para realizar “toda a justiça” do reino. E seu batismo, selado no Espírito em forma de pomba, é o início de uma missão confirmada pela voz divina: “Este é meu filho amado”. Jesus é o filho que vem cumprir em tudo a vontade salvadora de Deus. Os céus que se abrem mostram que Deus está agindo, enviando o espi´rito que dará autoridade para Jesus cumprir toda a justiça.

O batismo de Jesus e sua missão em vista da justiça do reino nos fazem pensar em nossa missão. Nós, batizados, nos movemos e somos por força do Espírito de Deus. Espírito que nos impulsiona a uma constante mudança de mentalidade. Espírito que, dependendo de nosso empenho, tem o poder de nos converter da frieza das leis para a justiça misericordiosa de Deus.

A justiça do reino é a um só tempo dom de Deus e resposta humana. Deus continua agindo em nossa vida. Em nossa missão de batizados, portanto, se joga nossa resposta à ação de Deus. Que possamos nos levantar das quedas, dos erros, ir morrendo ao pecado, para que Deus, descendo com sua força, nos vivifique com seu Espírito.

Pe. Paulo Bazaglia, ssp

Link: 247 pessoas viram!